. : Notícias
busca por notícias/mensagens
 
 
 
 

2007 e os onze aniversários de Divaldo Franco


2007 é o ano do Sesquicentenário do Espiritismo (1857 – 2007) e também um ano que acumula muitos aniversários relacionados ao médium Divaldo Franco.

Ele tem variadas atividades espíritas ininterruptas, no Brasil e no Exterior, que evidenciam a grandeza de sua missão, e o tornam um legítimo discípulo de Allan Kardec (1804 – 1869), como nunca houve antes e com uma incomparável folha de serviços, senão vejamos:

1) 80 anos de idade e 62 anos em que teve seu início no Espiritismo, ainda adolescente, em Feira de Santana/BA;

2) 60 anos atuando como médium orador, sempre atingindo recordes de público e de número de palestras;

3) 60 anos atuando como presidente de Centro Espírita (Caminho da Redenção), o qual ele fundou e cada vez mais amplia sua atuação doutrinária e social;

4) 60 anos doutrinando Espíritos sofredores, em duas reuniões semanais de desobsessão;

5) 58 anos atuando na mediunidade psicográfica, 56 anos do início das publicações das mensagens psicografadas, em forma de folhetos, 43 anos de início das publicações em forma de livros, com admirável pluralidade de autores, versatilidade de temas e estilos, centenas de livros, milhões de exemplares vendidos e dezenas traduzidos para outros idiomas;

6) 56 anos atuando na mídia radiofônica e 51 anos na televisiva, com milhares de entrevistas;

7) 55 anos atuando como médium educador de crianças carentes (tendo sido pioneiro no país da metodologia de Lares Substitutos, desativados há poucos anos para poder atender maior número de crianças), tendo assistido milhares delas;

8) 33 anos dirigindo um órgão de divulgação doutrinária que ele criou, a Revista Presença Espírita, com tiragem para todo o país e Exterior;

9) 55 anos fomentando e inspirando a criação de milhares de núcleos espíritas, no país e 45 anos no Exterior;

10)são também 60 anos em que administra com admirável carisma, capacidade e vivência evangélica todos estes dons, cativando novos trabalhadores para a seara espírita-cristã, muitos deles que se tornam colaboradores de sua grandiosa missão;

11)por fim, em meio a tantas discussões, divisões, divergências, movimentos doutrinários e calúnias, Divaldo permanece de pé, amigo de todos, bem recebido em todo lugar, num exemplo de comportamento cristão, acima de questiúnculas temporais;

Parabéns, Divaldo, pelos teus aniversários. Tua vida e tua obra falam por ti, pois pelo fruto é que se conhece a árvore.

Homenagem da Federação Espírita do Estado da Bahia, em 18 de abril de 2007, a Divaldo Pereira Franco.

 
     
 
 
 
. Últimas Notícias

 
 
 
Documento sem título